ESTOURANDO BALÕES

Objetivos:
É um exercício de competição.
Material:
Dois balões para cada pessoa e barbante.
Como Fazer:
1. Distribuir dois balões para cada participante.
2. Distribuir, também, um pedaço de barbante suficientemente grande para amarrá-lo à cintura, junto com os balões.
3. Encher os dois balões e prendê-los ao barbante, um de cada lado da cintura.
4. Cada pessoa deve tentar estourar os balões da outra, protegendo, ao mesmo tempo, os seus balões.
5. Deve-se utilizar, apenas, as mãos - evitar, portanto, objetos que possam provocar acidentes (palitos, unhas, alfinetes, etc).


BALÕES NO AR

Objetivos:
Excelente momento para integração do grupo, processo de reencontro, celebração.
Material:
Um balão para cada pessoa e durex.
Como Fazer:
1. Distribuir um balão para cada pessoa (sendo possível, o facilitador, com uma boa ajuda, poderá prender, com um minúsculo pedaço de durex, os balões sob as cadeiras).
2. Orientar para que todos encham, do tamanho que quiserem, os seus balões.
3. O exercício consiste:
Opção 1
a) Jogar os balões para cima, não os deixando cair, APENAS utilizando a cabeça.
b) Efetuar troca de balões com outras pessoas, tantas quantas forem possível.
Opção 2
a) Jogar os balões para cima, não os deixando cair, utilizando UMA das mãos.
b) Efetuar troca de balões com outras pessoas, tantas quantas forem possível.
4. Ao final, realizar um momento de "celebração", estourando todos os balões ao mesmo tempo.


AS TRÊS GARRAFAS

Material:
Três garrafas descartáveis e uma venda para os olhos.
Como Fazer:
1. Colocar as três garrafas no chão, numa distância, entre si, de, aproximadamente, um passo "forçado".
2. Solicitar três voluntários e dois assessores.
3. Certificar-se de que nenhum dos três conhece a brincadeira.
4. Orientar para que um dos assessores encaminhe-se para uma sala isolada, para "tomar conta" de dois dos voluntários - apenas um fica para a primeira etapa da brincadeira.
5. Desafiar o primeiro voluntário, perguntando-lhe se é capaz de passar por cima das três garrafas, sem tocar nelas (normalmente a resposta é positiva).
6. Pedir que treine uma vez.
7. Instigar-lhe a, se ele for capaz, passar sobre as garrafas, de olhos fechados.
8. Pedir, também, que ele treine uma vez.
9. Colocar a venda e posicioná-lo diante das garrafas.
10. Estimular o grupo a torcer por ele.
11. Sinalizar para o segundo assessor, para que retire as garrafas do chão, cuidadosamente.
12. Orientar a "largada".
13. Colocá-las de volta no chão, rapidamente, à proporção que ele for pisando no "vazio", sem que ele perceba que estava esticando e levantando as pernas desnecessariamente... e que fez um grande papel de bobo.
14. Chamar o segundo e o terceiro voluntário, respectivamente, repetindo o procedimento.
15. Quem participou, cai na real (sempre espera-se que ele entre no espírito da brincadeira e não se irrite).


A DANÇA DA LARANJA

Objetivos:
Exercício de equilíbrio.
Material:
Uma laranja (fruta) para cada dupla.
Como Fazer:
1. Formar duplas ou sugerir que os casais presentes fiquem juntos e sejam os participantes.
2. Entregar a cada dupla uma laranja.
3. Orientar que a laranja ficará presa entre as testas deles e cada pessoa deverá ficar com as mãos para trás.
4. O facilitador colocará uma música (preferencialmente agitada, ritmada) e todos dançarão, de acordo com o ritmo.
5. Quem derrubar a laranja vai sendo eliminado.
6. A dupla ganhará um prêmio: a laranja.


O QUARTEL

Objetivos:
Este exercício é, ao mesmo tempo, de descontração, de atenção e de percepção. Têm os participantes e a torcida organizada.
Como Fazer:
1. O facilitador desempenha a patente de "marechal".
2. Convidar uma quantidade de participantes, conforme as patentes a seguir: faxineiro, cozinheiro, motorista, corneteiro, soldado, cabo, sargento, tenente, capitão, major, coronel e general.
3. Todos deverão sentar-se, lado a lado, iniciando pelo faxineiro, da esquerda para a direita (cadeiras ou calçada - no chão não é muito bom, por conta do excesso de movimentos que a brincadeira exige).
4. O facilitador inicia: "Passei revisão no meu batalhão e faltou... Cano!".
5. Imediatamente, o cabo deve responder: "Cabo não... Tenente!".
6. Com a mesma rapidez, o tenente responde: "Tenente não... Coronel!" E assim, sucessivamente.
7. Se alguém demorar a responder ou responder errado, é rebaixada a sua patente.
8. Sempre que ocorrer rebaixamento de patente, é importante o marechal recordar para os participantes a seqüência do batalhão: "faxineiro, cozinheiro, motorista...".
9. Em seguida, recomeça: "Passei revisão no meu batalhão e faltou...!"
10. Prosseguir com a brincadeira durante o tempo que achar conveniente.


O VIÚVO

Objetivos:
Excelente para grupos formados por casais, uma vez que favorece à descontração e leva a uma reflexão (sutil) sobre o valor, a importância... o quanto "eu te quero comigo!".
Como Fazer:
1.Formar um círculo com cadeiras.
2. Solicitar que todas as mulheres fiquem sentadas e que os respectivos "maridos" fiquem de pé, por trás delas.
3. Uma das cadeiras ficará vazia, caracterizando que a pessoa que está atrás, em pé (na primeira rodada, os homens), está "viúva".
4. Os homens devem ficar com as mãos para trás.
5. O exercício consiste em... "os homens em pé, devem - sutilmente - piscar para alguma das mulheres que estão sentadas, seduzindo-a, convidando-a a mudar de parceiro".
6. Bastante rápido, o homem - que estava com as mãos para trás - deve tentar impedir que a companheira (esposa, namorada, amiga) corra para o outro.
7. Não é necessário segurar fortemente; basta um toque e a parceira já entende que não deve ceder à sedução do outro.
8. O exercício segue durante algum tempo, conforme disponibilidade e interesse do grupo, ou orientação do facilitador.
9. Inverte o processo e as mulheres, então, passam a ser as guardiãs, consequentemente, viúvas.


O PRESENTE

Objetivos:
Esta dinâmica é boa para ser aplicada após intervalos longos (depois do almoço ou após uma seqüência de atividades que venham a provocar cansaço mental).
Como Fazer:
1. Formar um círculo, bem amplo, o mais espaçado possível, com cadeiras.
2. Sugerir que todos guardem o seu material, tudo o que estiver sobre as cadeiras ou no colo, não esquecer de colocar os nomes nas suas pastas ou apostilas, porque "isso aqui vai virar uma grande confusão".
3. Solicitar um voluntário e orientar que ele fique no centro do grupo, em pé.
4. Retirar do círculo a cadeira que ele (o voluntário) estava sentado.
5. Proceder o início do exercício dizendo que "sempre ficará alguém sobrando, uma vez que foi retirada uma cadeira".
6."Quem ficar no centro, deverá dizer - sem demora, agilmente -, bem alto (todos devem ouvir) o seguinte": "- Eu trouxe um presente para uma pessoa que...
Exemplos de opções:
... estiver de óculos."
... tem olhos."
... estiver de jeans."
... tem mãos, ou boca, olhos, cabelos ou brincos" e, assim, sucessivamente, usando toda a criatividade.

7. "Todas as pessoas que se enquadrarem no que for dito, devem trocar de lugar, rapidamente, inclusive a que estiver no centro; sobrará sempre alguém, que deverá continuar a brincadeira".
8. "As pessoas que sobrarem no centro, a partir de duas vezes, pagarão uma prenda especial, ao final, a critério do grupo"


O TREM

Objetivos:
Esta dinâmica é adequada, também, para apresentação ou conhecimento interpessoal, além de ter características e sentido de recreação e confraternização.
Material:
Cadeiras para todos os participantes, água e cafezinho.
Como Fazer:
1. Formar duas fileiras de cadeiras, paralelas, de modo a comportar todos os participantes sentados, dois a dois.
2. O facilitador fará o papel de "maquinista" do trem e dará os comandos.
3. Colocar uma música (se conseguir uma com ritmo ou barulho de trem, melhor ainda).
4. Todos ficam atentos: na parada da música, o maquinista diz:
"A fila da minha direita pula dois vagões para trás!"
"O trem virou e os vagões se descarrilharam!" (todos trocam totalmente)
"Nesta estação vamos todos descer, tomar um cafezinho e beber água!"
5. O facilitador pode criar as mais diversas formas de "paradas do trem".


LARANJA NO PÉ

Objetivos:
Esta dinâmica é agradável, aguça o nível de atenção nas pessoas e estimula o espírito de solidariedade.
Material:
Duas laranjas (fruta) para cada dupla, cadeiras para todos, fita ou barbante.
Como Fazer:
1. Organizar os participantes, sentados em duas alas de cadeiras.
2. Uma laranja é colocada sobre os pés (que estão unidos - pode amarrá-los com fita ou barbante) da primeira pessoa de cada ala, que procurará passar a laranja sem a deixar cair, para os pés da segunda pessoa e assim por diante.
3. Se a laranja cair, a brincadeira prosseguirá, do ponto em que caiu, utilizando o tempo que for preciso.
4. Será vencedor o grupo que terminar primeiro.


TUDO COM A MESMA LETRA

Objetivos:
Aquecer o raciocínio. Estimular a criatividade. É uma dinâmica que exercita o nível de agilidade mental, para grupos pequenos ou até trinta pessoas.
Como Fazer:
1. Todos em círculo, o facilitador pede um voluntário, que fica em pé e que irá responder às perguntas com palavras que comecem com a letra que ele pedir.
Exemplo.: João com a letra R.
- Seu nome: Ricardo
- Profissão: Radialista
- Cidade onde nasceu: Rio
- Onde vai morar: Ribeirão
- Nome de três irmãos: Rafael, Rebeca, Rodolfo...
2. Qualquer hesitação na resposta, erro, procura-se outro voluntário, até onde for interessante continuar a brincadeira.


BRIGA DE GALO


Objetivos:
Ótima brincadeira para estimular competição no grupo. Não pode deixar de ter uma boa torcida.
Material:
Papel, caneta, alfinete de bebê ou durex, fita ou barbante.
Como Fazer:
1. Pedir dois voluntários. Colocar nas costas de um deles um papel com a expressão "Galo 1" e nas costas do outro "Galo 2", sem que eles saibam o que está escrito.
2. Ambos deverão descobrir o que está escrito nas costas do outro, sem utilizarem as mãos, que deverão estar cruzadas para trás.
3. É interessante e divertido perceber que os movimentos dos dois lembram, realmente, uma briga de galo.



adidas superstar adidas stan smith adidas stan smith zwart adidas superstar dames adidas yeezy adidas yeezy boost 350 adidas superstar canada adidas nmd adidas superstar adidas nmd canada adidas stan smith adidas superstar adidas stan smith dam adidas superstar dam

canada goose pas cher doudoune moncler moncler outlet veste moncler timberland shoes timberland femme moncler veste moncler veste homme canada goose outlet veste barbour timberland chaussure timberland homme parajumpers pas cher canada goose montreal doudoune canada goose femme ugg soldes moncler homme canada goose prix parajumpers femme occasion barbour veste parajumpers soldes parajumpers gobi occasion